Dicas para economizar energia

Com o reajuste da tarifa de serviços energéticos, é preciso criar estratégias para poupar. A conta de luz é um dos fatores decisivos no orçamento do condomínio e merece atenção. 

Estima-se que este consumo corresponda até 10% dos gastos mensais. Muita coisa, não é mesmo?! Para te ajudar, hoje separamos algumas dicas para economizar energia. 

Continue a leitura para saber mais e envie esses conselhos aos condôminos e colaboradores!

Contexto

De acordo com o Operador Nacional de Sistema Elétrico (ONS), o Brasil passa pela pior crise hídrica desde 1930. Isso é grave porque as hidrelétricas são a maior fonte de energia do país, chegando a representar 65,2% do fornecimento de 2020.

Com a falta de chuvas, a alternativa é usar as usinas termelétricas, que são mais caras. Além disso, outra preocupação é que o subsistema de reservatórios do Sudeste/Centro-Oeste está em 22,32% de sua capacidade. E ele é responsável por aproximadamente 70% da energia produzida nas hidrelétricas de todo o país.

Traduzindo: a conta vai aumentar!

Economia

Algumas dicas para economizar energia são:

  • aproveite a luz natural durante o dia;
  • diga aos colaboradores e condôminos para desligarem as lâmpadas de espaços que não estão sendo usados;
  • troque as lâmpadas por fluorescentes ou de LED, isso pode representar uma economia de até 75% e ainda contribui para que o ambiente não se aqueça;
  • tire aparelhos que não estão sendo usados das tomadas, isso pode representar uma economia de até 20% da energia;
  • para a iluminação externa, é possível substituir as lâmpadas tradicionais por lâmpadas a vapor de sódio a alta pressão (VSAP), essa alternativa fornece mais luz com menor consumo de energia elétrica;
  • use sensores de presença ou de calor, isso pode representar uma economia de até 50%;
  • durante a madrugada, reduza o número de elevadores em funcionamento; 
  • invista em uma modernização dos elevadores, modelos mais modernos são mais econômicos e podem representar uma diminuição de 40% da energia;
  • prefira pintar os ambientes com cores claras, isso amplia a iluminação e reduz a quantidade de luz necessária;
  • veja a possibilidade de investir em painéis solares.

Para incluir todos os condôminos e colaboradores, faça uma campanha de colaboração. Algumas formas de engajamento são comunicados por e-mail e whatsapp, cartazes e flyers nos elevadores e áreas comuns e um grupo colaborativo para a construção de novas formas de economia. 

E aí, gostou das dicas? Compartilhe em suas redes sociais para que mais pessoas saibam como economizar energia!

Precisa de ajuda profissional na conservação de condomínio ou empresa? Solicite um orçamento ou envie-nos uma mensagem.